Postado por: Raquel Borsari em 11/dez/2013 |

Diferentes tipos psicológicos

Com a psicóloga Eneide Caetano

Jung afirma que a tipologia psicológica não tem a finalidade de dividir as pessoas em categorias e nem criar estereótipos. A tipologia representa uma ajuda para a compreensão das variações individuais.

Os tipos se relacionam com o mundo através do intelecto, do sentimento, das percepções sensoriais ou das intuições. Na luta pela vida, cada um deles serve-se de sua função mais desenvolvida.

 

eneide

 

 

O Pensamento extrovertido orienta-se para o mundo exteriorinteressando por fatos, coisas materiais, ideias tradicionais e da atmosfera da época e do geral aceito como “realidade”. Este tipo predomina nos homens. Ex. Charles Darwin

O pensamento introvertido se interessa pela realidade interior do mundo das ideias e na visão nova que apresenta. Formula e constrói teorias e os fatos.É um tipo que cria conceitos e o encontramos em grandes pensadores e filósofos de todos os tempos!

Quando o sentimento tem prioridade sobre as outras funções, pode falar-se de “tipo sentimento”. Quando este tipo é extrovertido, o sentimento é governado pelo meio, pois dá valor ao que é geralmente apreciado e não tem dificuldade em se adaptar ao seu tempo e ao seu meio. Interessa-se especialmente pelas relações humanas e possui muitas vezes tato e encanto acalmando situações embaraçosas e colocando água na fervura. Torna possível a vida familiar e social, é bom anfitrião, sente-se perfeitamente à vontade em grupos, reuniões, atividades social e comunitária. É simpático, atraente, caloroso. É mais encontradonas mulheres.

O sentimento introvertido é governado por fatores subjetivos, está ligado a amigos por fortes laços afetivos, o seu valor é bem conhecido e fazem amigos constantes e fiéis. Por não ser caloroso, muitas vezes chega a dar uma impressão de frieza.Embora pareçam reservados, têm muita simpatia e compreensão por um círculo de amigos íntimos ou pelos que sofrem ou encontram necessitados. Alimentam um amor apaixonado nas relações afetivas e pelos filhos quando adoecem. O sentimento introvertido exprime-se também na religião, na poesia e na música e ocasionalmente, em sacrifícios pessoais fantásticos.

Quando a sensação tem prioridade e valoriza o objeto, pode falar-se de tiposensação extrovertida, pois não perde nenhuma sensação objetiva. o que conta é a intensidade e o prazer da sensação. Estão sempre em busca de novas excitações.

No tipo sensação introvertida, o mais importante é a vivência da sensação, os objetos tornam-se secundários. Exemplo deste tipo são artistas e músicos e toda arte com seu grau de subjetividade!

No tipo intuição extrovertida o importante são as possibilidades. Não respeita os costumes e quando “fareja” algo novo; tudo é sacrificado ao futuro. Esse tipo corre o risco de semear, mas não colher. Esbanja a sua vida nas possibilidades, enquanto os outros gozam os frutos da sua energia e iniciativa. Como está sempre buscando novas possibilidade, a vida a seu lado nunca é monótona.

O intuitivo introvertido está voltado para o inconsciente coletivo, o fundo obscuro da experiência. É este tipo que tem visões, revelações da natureza cósmica ou religiosa, sonhos proféticos ou fantasias sobrenaturais. Se for artista, pintará uma confusão, englobando o banal e o significativo, o amável e o grotesco. Ex. Willian Blake

A maioria das pessoas usa uma função, os indivíduos mais complexos servem-se de duas funções e uma personalidade altamente diferenciada faria uso de três funções. A inclusão da quarta função pertence ao que Jung denomina de “processo de individuação” e reconciliação das tendências opostas da natureza humana. A tipologia de Jung é especialmente útil no relacionamento interpessoal, ajudando-nos a compreender os relacionamentos sociais.

Portanto, conhecer os tipos psicológicos e as funções contribui muito nas relações entre as pessoas, na educação, na escolha profissional. Ajuda esposas e maridos a compreender como o outro funciona de maneira diferente; auxilia professores a ver que os alunos introvertidos não são infelizes ou desadaptados, apenas não se associam às atividades da mesma forma que o extrovertido, como também contribui no tratamento psicoterápicodos clientes, pois nos transtornos existe sempre a tendência habitual em negligenciar uma função em detrimento de outra; o intuitivo ao descuidar da sensação e consequentemente de seu próprio corpo, pode adoecer, os intelectuais descuidam dos sentimentos, o que lhes causa sérios problemas nas relações afetivas. Desta forma a saúde física e psíquica depende do desenvolvimento do tipo psicológico e das funções desprezadas fazendo com que o indivíduo procure desenvolver sua totalidade e possa VIVER MELHOR!




Loading Facebook Comments ...

insta media tv supercanal