Postado por: Raquel Borsari em 26/nov/2018 |

Prefeito anuncia decisão e confirma mudança de alunos do ensino fundamental da Escola Geraldo Marques Cevidanes para Pólo OAB

Pré-escolar será mantido na sede do Sesi

Indagado pelo jornalismo do SC durante coletiva concedida no final da manhã desta segunda-feira (26/11), o prefeito de Caratinga, Welington Moreira de Oliveira, falou sobre a polêmica em torno do anúncio da mudança de endereço de uma escola da rede municipal.

A onda de protesto teve início após a Prefeitura anunciar a mudança de endereço para os alunos do ensino fundamental da Escola Municipal Geraldo Marques Cevidanes, em funcionamento na Rua Lamartine, número 129, no bairro Esplanada para uma nova sede do Polo UAB, na rua Maria Aniceta de Paula, número 300, no bairro Dário Grossi. Os pais dos estudantes levantaram uma série de questionamentos como, por exemplo, a acessibilidade para os alunos cadeirantes e segurança.

Em entrevista, o prefeito criticou a postura de alguns vereadores e contestou informações de que os alunos atualmente desfrutam de toda a infraestrutrura existente no Sesi. Welington também destacou que haverá um aumento no número de vagas, a redução no valor de aluguel, informando uma economia em torno de 10 mil reais por mês. “Estamos atendendo primeiro a um anseio e determinação do Tribunal de Contas do Estado e depois a uma necessidade e obrigatoriedade de ordem financeira e administrativa do próprio município”.

Em relação ao deslocamento, o prefeito garantiu que haverá o transporte escolar.

O CASO

No mês passado, pais de alunos e estudantes protestaram e iniciaram um abaixo-assinado solicitando à Secretaria Municipal de Educação de Caratinga que não prossiga com um projeto de mudança de endereço da Escola Municipal Geraldo Marques Cevidanes, atualmente em funcionamento na Rua Lamartine, número 129, no bairro Esplanada, em Caratinga. Conforme apurado, a mudança atingiria mais de 200 alunos do Ensino Fundamental. No protesto dos pais a hashtag: #salvenossaescola . Uma audiência pública chegou a ser realizada na Câmara Municipal. A secretaria municipal de educação, Lara Cristina Maia Rodrigues Ferreira, defendeu a mudança pela necessidade de solução de problemas de infraestrutura e se mostrou surpresa com a negativa dos pais dos estudantes. Naquela ocasião, comprometeu-se a reavaliar o caso.

DECISÃO TOMADA

A Prefeitura de Caratinga informou que a mudança refere-se a um ato administrativo e a decisão foi tomada. Está agendada para o dia 30 de novembro na Comarca de Caratinga, no salão do Júri do Fórum Desembargador Faria e Souza, uma sessão de mediação entre representantes da Prefeitura, Secretaria Municipal de Educação e pais de alunos. Porém, segundo o prefeito, não há possibilidade de alteração da decisão “tudo dentro da normalidade e por ser um ato da administração, nem o Ministério Público e nem o Poder Judiciário irão interferir”.

Sequence 08.Still001 Sequence 08.Still002 Sequence 08.Still003 Sequence 08.Still004 Sequence 08.Still005 Sequence 08.Still006 Sequence 08.Still007 Sequence 08.Still008 Sequence 08.Still009 Sequence 08.Still010 Sequence 08.Still011 Sequence 08.Still012 Sequence 08.Still013




Loading Facebook Comments ...

insta media tv supercanal