Postado por: Raquel Borsari em 13/jul/2018 |

Saúde pública: abandono e maus tratos a animais são debatidos em reunião na Câmara de Caratinga

Os animais de rua foram tema de uma reunião que aconteceu ontem (12/07), no plenário da Câmara de Caratinga. O encontro foi marcado por um pedido de socorro das protetoras independentes de animais e da ONG LateMia, representada pela presidente Marta Lopes. As protetoras de animais e a ONG clamaram por apoio do poder público. Porque o abandono ou maus tratos de animais é uma realidade e eles representam, também, um grave problema de saúde pública para a cidade.

Além das protetoras e da LateMia, a reunião também contou com as presenças das Polícias Militar e Ambiental. Durante a reunião articulada pelo vereador Johny Claudy, as protetoras puderam fazer um “desabafo” e expor suas dificuldades. Muitas vezes elas acabam assumindo um papel que deveria ser realizado pelo próprio poder público. Que é o de resgatar, tratar, castrar e oferecer um lar temporário e colocar os animais para adoção. Mas sem apoio, a situação já está insustentável.

Enquanto não há uma política pública eficiente para os animais, continuam crescendo os casos de abandono e maus-tratos. O mais recente foi o do Baruk, cão da raça Pinscher, que teve 45% da pele dilacerada por um objeto cortante. Baruk não resistiu e morreu no hospital veterinário. O caso segue em investigação pela Polícia Civil.

Foram vários os questionamentos na reunião, entre eles, que se façam cumprir as leis de proteção aos animais. O subcomandante do 62º Batalhão de Polícia Militar (BPM), major Márcio, ressaltou que a criação de mais uma lei não irá resolver o problema, mas ajuda. Para ele, também deve ser trabalhada a prevenção e a conscientização da população.

Outro assunto levantado pelas protetoras na reunião foi: para onde levar os animais resgatados em Caratinga? Isso tem sido um problema não só para as protetoras, mas também para a própria polícia. A Prefeitura de Caratinga foi representada pela assessora de comunicação, Poliana Tupinambá, que apresentou ações do governo municipal em andamento. Dentre elas, a construção de um espaço no Parque de Exposições João da Costa Mafra para abrigar os animais resgatados. Além disso, já há um veículo e parte de uma equipe montada para a realização desse trabalho.

Também foi debatida na reunião a questão do Centro de Zoonoses de Caratinga (CZC). A obra que vem se arrastando de um governo para o outro até hoje não foi concluída, agravando ainda mais a situação.

 

 

Sequence 10.00_01_17_06.Still004 Sequence 10.00_01_06_26.Still003 Sequence 10.00_01_03_22.Still002 Sequence 10.00_01_02_15.Still001 Sequence 10.00_01_17_18.Still009 Sequence 10.00_01_06_06.Still008 Sequence 10.00_01_23_06.Still007 Sequence 10.00_01_18_11.Still005

 




Loading Facebook Comments ...
 





    

Banner-Super-Canal

santamonica1foto1 (1)favenicdsl