Postado por: Raquel Borsari em 04/jul/2018 |

Conheça o “Celular Seguro”: projeto lançado pelo Batalhão de Caratinga para prevenir furtos e roubos de celulares

Para aderir ao programa, é só o cidadão acessar o site do Celular Seguro e fazer um cadastro

O Brasil terminou o mês de maio com mais de 235 milhões de celulares, segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Uma média de 112 celulares por 100 habitantes. Minas Gerais é o segundo estado com maior quantidade de celulares: são quase 23 milhões.

E, você sabia que o Brasil é o segundo país com maior número de dispositivos roubados por ano. Para ajudar a mudar esta estatística, o 62º Batalhão de Polícia Militar (BPM) lançou em Caratinga, nesta quarta-feira (04/07), o programa “Celular Seguro”, uma ferramenta de prevenção contra roubos de celulares.

O objetivo é reduzir o número de celulares roubados, furtados ou extraviados. O lançamento do Celular Seguro aconteceu na Praça Getúlio Vargas e foi marcado por abordagens educativas a pedestres. Os militares fizeram a entrega de panfletos para divulgar o projeto.

Para aderir ao programa, é só o cidadão acessar o site do Celular Seguro (www.policiamilitar.mg.gov.br/celularseguro)
e fazer um cadastro, informando os dados pessoais e do aparelho, como a marca, o modelo e o número do IMEI. Sigla em inglês que significa Identificação Internacional de Equipamento Móvel.

O IMEI pode ser obtido digitando no próprio aparelho os caracteres *#06# e o número aparecerá no visor do celular. O cadastramento no site do Celular Seguro ajuda a proteger o aparelho e aumenta as chances de recuperação do celular, caso ele seja furtado, roubado ou extraviado. “Numa situação, por exemplo, em que o indivíduo esteja com um celular de origem duvidosa, o policial militar vai consultar o IMEI e verificar se trata de um aparelho que já foi objeto de furto, de roubo ou até mesmo de extravio”, destacou tenente Jefferson.

Além do mais, o cidadão poderá através do site Celular Seguro fazer o rastreamento de seu aparelho, independentemente do sistema operacional, e conhecer medidas de autoproteção e ainda consultar se um dispositivo foi roubado ou furtado pelo número de IMEI. Os cidadãos que não tiverem acesso à internet ou encontrarem dificuldades para fazer o cadastro, podem procurar os militares da Base Comunitária Móvel (BCM) na área central da cidade para orientá-los.

A campanha será amplamente divulgada, por meio das redes sociais, outdoors, vídeos, panfletos, palestras, imprensa, visitas de prevenção ativa e abordagens. Todos os estabelecimentos que comercializam ou fazem manutenção de aparelhos celulares também estão recebendo visita dos militares, para adesão e divulgação da campanha.

O projeto Celular Seguro foi idealizado pelo 48º Batalhão de Polícia Militar de Ibirité e já existe em várias cidades mineiras. Desde que foi criada, a ideia vem se expandindo para todo o estado. Há a pretensão de também expandir o projeto para os outros municípios da área de abrangência do Batalhão de Caratinga.

 

1cedb70b-4d7e-4d28-9527-fd3eca837ce1Sequence 17 Sequence 17_1 Sequence 17_2 Sequence 17_3 Sequence 17_4 Sequence 17_5 Sequence 17_6




Loading Facebook Comments ...
 





    

Banner-Super-Canal

santamonica1foto1 (1)favenicdsl